sábado, 3 de maio de 2014

Ode ao Sono

Vem, Sono, vem!
Vem cobrir de trevas os meus pensamentos
Vem fechar meus olhos para eu não ver o sofrimento
Vem povoar de sonhos o meu espírito.


Ah! Bendito Sono!
Bem-aventurado sejas por me dares este consolo.
A minha alma te agradece esse descanso apetecido
E o meu corpo ama essa tua letargia.


Vem Sono, vem interromper meus pensamentos tenebrosos,
Minhas ideias suicidas.
Vem dar vida a este meu espírito que só pensa na morte.
Vem oferecer-me os sonhos da minha vida!




Autora: Cristina Maria Maias Oliveira
Respeite os direitos de autor / se copiar divulgue a autoria.

6 comentários:

  1. Hoje à noite tive insónias... acertaste em cheio.

    ResponderEliminar
  2. Love your blog! Maybe we could follow each other on bloglovin or GFC? Please leave me a comment or follow me and I will follow you =)

    https://www.facebook.com/lepetitplastique

    http://instagram.com/lepetitplastique

    http://lepetitplastique.blogspot.com/

    *Join my giveaway too =)*

    ResponderEliminar
  3. Belos poemas que tu nos trazes, simplesmente adoro! Não há nada melhor que uma boa noite de descanso :)

    http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  4. No meu sofá o sono vem num instante :)

    Sónia
    Taras e Manias

    ResponderEliminar